Pages

Subscribe:

segunda-feira, 25 de março de 2013

DIÁLOGOS PELA EDUCAÇÃO



Conhecer o Maranhão é conhecer o cotidiano das pessoas. Suas lutas, suas dificuldades e suas superações diárias nos ensinam a olhar para frente com esperança. Entre tantos relatos que ouvi quando o Movimento Diálogos pelo Maranhão esteve na região tocantina, houve um especialmente importante.
Vinícius Lopes tem 14 anos. Encontrei-o quando visitei a Igreja de São Jose do Egito. Conversei com ele longamente sobre suas conquistas, com tão pouca idade. Vinícius foi aprovado para fazer curso técnico no Instituto Federal de Imperatriz e divide a sala com estudantes de diferentes idades.
Entre os relatos que me fez, Vinícius disse estar feliz por ter acesso ao conhecimento em uma escola pública na qual a preocupação maior é com o aprendizado.
Empenhado na nova escola, o garoto de Imperatriz fez uma reflexão importante sobre os modelos educacionais que experimentou como estudante da rede pública de ensino. “O professor não está preocupado somente com as notas. Se não entendemos, eles repetem. Querem ter certeza de que estamos aprendendo de verdade”, me disse.
O modelo de educação pública acessível e que ensina de verdade, resumido pelas palavras de um jovem imperatrizense, é o que defendemos para o Maranhão. Com um modelo educacional humanizado e de acesso universal, daremos um dos passos fundamentais para a construção de um novo projeto de desenvolvimento para o Maranhão.
No quesito Educação, o domínio oligárquico impõe aos maranhenses dados alarmantes. Com insuficiente e ineficiente investimento no setor, nosso estado figura em último lugar em percentual de população com diploma universitário. Apenas 3,6% de nossos conterrâneos tiveram acesso ao ensino superior. Ao mesmo tempo, milhares de jovens em idade correspondente ao ensino médio estão fora da escola. A defasagem idade-série é imensa. Isso prova que a revolução educacional prometida pela oligarquia em 2010 não aconteceu, a não ser pela inovação de o Estado ter um secretário de educação por ano, impedindo um trabalho contínuo e organizado.
Lutamos contra a superação de quadros como este e o relato de Vinícius nos impulsiona a reunir energias nesse movimento de mudança da realidade de nosso estado. Os progressos experimentados por aquele jovem devem se difundir por todo o estado e, assim, o retrato do caos educacional será página virada, junto com o regime coronelista.
Flávio Dino, 43 anos, é presidente do Instituto Brasileiro de Turismo (Embratur), foi deputado federal e juiz federal.

Fonte: Artigo do Jornal Pequeno, publicado no dia 24 de março de 2013.
Leia Mais >>

Flávio Dino discute Segurança e Educação com lideranças religiosas

O projeto Diálogos pelo Maranhão foi apresentado a lideranças religiosas da região tocantina no último final de semana. Em reunião com representantes da igreja católica e da Assembleia de Deus, representantes do movimento Diálogos pelo Maranhão falaram da proposta de um governo baseado na Igualdade, na Democracia e no Desenvolvimento.
As três premissas defendidas pelo projeto foram discutidas com os líderes religiosos do local, que relataram problemas com Segurança Pública e Educação Pública. Segundo o bispo Dom Gilberto Pestana, a juventude de Imperatriz sofre com o problema da dependência química e da falta de segurança na região.

Os relatos da falta de efetivo policial na região e de programas de prevenção ao uso de entorpecentes tem sido motivo de constante preocupação para os representantes da região. “Hoje contamos com cerca de 500 policiais para toda a região tocantina, número muito baixo. Há cidades que não possuem sequer um policial militar ou civil para auxiliar na Segurança Pública do local,” disse o pastor Raul Cavalcante, capelão de Imperatriz.

A situação da infraestrutura das escolas estaduais também foi pauta durante a reunião. Segundo Dom Gilberto, não há segurança nas escolas e faltam professores em sala de aula do Ensino Médio – que fazem parte da alçada do governo estadual. “O governo pode mudar situações como essa, mas até o momento não houve qualquer ação nesse sentido,” relatou pastor Cavalcante.

Para Flávio Dino, que esteve presente durante a reunião, são necessários investimentos nos dois setores. A defasagem do número de policiais de Imperatriz representa uma consequência do baixo número de policiais para a população.

Segundo dados do Ministério da Justiça, o estado é o que possui menor relação entre policiais e número de habitantes no país. Hoje, cada policial maranhense deve dar conta de 882 habitantes. A média nacional é de um policial para cada 472 habitantes.

A saída seria investimento em aumento do efetivo policial através da realização de concursos públicos para todo o estado e investimento em infraestrutura da Segurança Pública em todas as regiões do estado.

“A política de distribuição do contingente policial precisa ser regionalizada. Com policias que conheçam a região em que atuam, que estejam perto da população, promoveremos uma política de segurança pública mais humanizada,” defendeu.

Leia Mais >>

domingo, 24 de março de 2013

IMPERATRIZ DÁ ASAS AO DIÁLOGOS PELO MARANHÃO

Imagem Paulo Rafael (Índio)
Ocorreu na tarde do último sábado (23/03) em Imperatriz mais uma edição do movimento DIÁLOGOS PELO MARANHÃO. Estiveram presentes lideranças da Região Tocantina, movidas pelo sentimento de discussão da situação do estado, com a indicação de desafios e propostas para um plano de governo eficiente e plural, que contemple os anseios do povo maranhense.
A reunião foi desenvolvida pelo vereador de Imperatriz, Professor Marco Aurélio e pelo Presidente do PCdoB de Imperatriz, Clayton Noleto. Presentes também os vereadores de Davinópolis, Neco (PCdoB) e Danúbio (PSB), bem como professores, membros da imprensa, estudantes, universitários, lideranças comunitárias, lideranças religiosas, bancários, o presidente da Associação dos Catadores de Material Reciclável de Imperatriz, lideranças políticas de João Lisboa, Sítio Novo e Davinópolis.
A reunião trouxe um encaminhamento que a partir de agora fortalece a discussão política na região. Uma vez por semana haverá uma reunião do movimento DIÁLOGOS PELO MARANHÃO, percorrendo os bairros de Imperatriz e cidades da região. O grupo foi unânime em dar as mãos e saiu energizado pelo sentimento de discussão política do Maranhão que temos e o Maranhão que merecemos. Durante a reunião o Deputado Estadual Rubem Júnior fez uma ligação, que foi transmitida a todos os presentes, onde houve uma saudação e foi destacado o simbolismo da reunião, onde o sentimento de discussão política ganha independência.
Para o vereador Marco Aurélio, o primeiro passo foi dado e se precisa agora de rotina. O movimento ganhará as ruas e o sentimento de participação popular no processo político é o grande desafio. “Esse movimento é maior do que eu, é bem maior do que uma pessoa. Ele representa um sentimento de participação popular em definir os rumos do Maranhão. Vamos fazer a nossa parte no debate. Toda semana, de forma sistemática, estaremos levando esta mensagem e mais do que isso, estaremos ouvindo as pessoas e fortalecendo o projeto.” Avaliou o vereador.
O Presidente da Associação dos Catadores de Material Reciclável, José Ferreira, o Seu Zezinho, fez a apresentação de uma proposta para o plano de governo. O governo do estado deve incentivar a economia solidária, como forma de apoiar as comunidades carentes. Seu Zezinho falou de como a prática da economia solidária tem melhorado a qualidade de vida dos catadores de Imperatriz, sem intermédio do poder público, mas somente no espírito de cooperativismo de seus membros.
O Presidente do PCdoB de Imperatriz, Clayton Noleto, declarou a satisfação de perceber o sentimento dos presentes e a definição de metas para ampliar o movimento DIÁLOGOS PELO MARANHÃO. “O povo é sábio e a experiência de discutir política fora do período de campanha eleitoral nos trará sabedoria.” Finalizou Clayton.
Já foi definido o roteiro de atividades do movimento para as próximas três semanas. Primeiramente, será em Imperatriz, no Bairro Camaçari. Em seguida, em Davinópolis e depois em João Lisboa. Os participantes da reunião serão o ponto de partida das atividades que a partir de agora terão rotina e integração na comunicação e divulgação das experiências.
Leia Mais >>

domingo, 17 de março de 2013

Edital do Concurso da Polícia Militar do Tocantins



* Concurso da Polícia Militar do Estado do Tocantins com salario Inicial de R$ 3.057,77  (três mil e cinquenta e sete reais  e setenta e sete centavos).
* Organizadora CONSULPLAN.

* As inscrições serão no período entre  14h00min  do dia  19  de março de 2013  às  23h59min  do  dia  09  de abril  de 2013, Valor 60 reais.

* A  Prova  Escrita Objetiva de Múltipla Escolha  e Discursiva  será realizada no  Estado do  Tocantins, simultaneamente  nas cidades de Palmas, Araguaína, Gurupi, Arraias e Araguatins, na data provável de 26 de maio de 2013, com duração  de 5 (cinco) horas, de 8h00min às 13h00min.

* Idade entre  18 e 30 anos com altura minima de 1.63 metros para homem e 1.60 para mulher.

Conhecimentos específicos da prova escrita.


Estamos com turmas abertas no Curso Teorema, rua Sousa Lima com Aquiles Lisboa - Centro.
Contato: (99) 3524-6634

Edital Completo do concurso, clique aqui!
Inscrições no concurso, clique aqui!

Participe de nossa página do Curso Teorema no Face Book, clicando aqui!
Acompanhe nosso trabalho como parlamentar, clicando aqui!

Leia Mais >>

quarta-feira, 13 de março de 2013

LUGAR DE CRIANÇA É NA ESCOLA!



Na sessão de ontem fiz a defesa para que as escolas municipais abram seus portões no mínimo meia hora antes da aula. A medida preservará nossas crianças e adolescentes.
Confira a matéria no Jornal O Progresso!


Fonte: http://www.oprogressonet.com/noticiario/14651/cidade/2013/3/13/vereador-cobra-que-escolas-da-rede-municipal-abram-os-portoes-mais-cedo/
Leia Mais >>

terça-feira, 12 de março de 2013

SEGUNDA CHAMADA DO CONCURSO DA PM E BOMBEIROS DO MARANHÃO.

Fábio Gondim

Uma segunda chamada do Concurso da Policia Militar e Bombeiro Militar do Estado do Maranhão, é uma duvida que paira todos os candidatos que aguardam ansiosos por uma segunda chamada.
Uma vez que houve uma reprovação de mais de cinqüenta por cento dos candidatos convocados para o TAF em Janeiro de 2013.
Em uma resposta ao blog do Ebnilson Carvalho o Secretário de estado da gestão e previdência do Maranhão, Fábio Gondim afirma que haverá uma segunda chamada sim, todavia não deixa afirmações sobre números ou datas prevista.
Entretanto por razão da FGV não divulgar o prazo das entregas da quarta etapa do concurso os exames médicos, especula-se que estão ao aguardo de uma segunda convocação e uma possível espera dos convocados posteriormente para iniciar o curso de formação juntos aos demais.



Fonte: http://ebnilsoncarvalho.blogspot.com.br/2013/03/concurso-pmbm-segunda-chamada-esta.html?m=1
Leia Mais >>

VAMOS FUNDAR UMA BIBLIOTECA?!


Casa Familiar Rural
Amigos e amigas, convido cada um de vocês para nos unirmos em uma causa mais que justa: fundar uma biblioteca comunitária. Há mais de 3 anos, com a participação de amigos e da comunidade, fundamos uma biblioteca na Vila Fiquene. Às duras penas tenho me esforçado para mantê-la. Com um grande acervo e internet gratuita, temos feito nossa parte e com a gratidão da parceria do Clube de Mães daquele bairro, a biblioteca cumpre bem sua missão.
De lá para cá, outros livros foram chegando. Guardados no Teorema, temos uma sala lotada até o teto, literalmente. Livros novos e também usados. Alguns deles são relíquias, como a doação de um advogado de nossa cidade que trouxe, por exemplo, a obra "O poder das ideias", de Carlos Lacerda, inclusive datado e assinado no auge de sua juventude. Só na última semana recebemos uma doação de mais de 300 livros de uma grande editora de livros didáticos, que se fossem vendidos, daria mais de 20 mil reais.
Precisamos do apoio do vocês! Doem livros, computadores, se tiverem e um apoio decisivo nesta hora é também a ajuda financeira para comprarmos as prateleiras.
A biblioteca será instalada nos próximos 30 dias no Povoado Coquelândia, na estrada do Arroz. Será uma parceria com a Casa Familiar Rural, que tão logo conclua sua reforma, já estaremos criando essa alternativa que dará uma grande contribuição cultural aos moradores daquele distrito.
Sozinho não terei força, mas todos juntos, tenho certeza que conseguiremos. Nos ajude nesse desafio!
Maiores informações, liguem:
3524-6634, 9166-5770
Conto com vocês!
Imagens internas

Leia Mais >>

sexta-feira, 8 de março de 2013